16 de fevereiro de 2013

I can love - 6° capitulo

--
Envolva-me com teus braços,puxa-me contra o teu peito, prenda-me feito laço que nos teus lábios me deleito.




  Anne P.V.O 

 Ele mostrou que dentro do seu coração existe algo bom ou talvez um grande artista mentindo descaradamente, é impossível saber antes que ele mesmo mostre ao contrario. 
  Eu tomei um banho e me deitei no sofá assistindo um filme qualquer, afinal, era essa a minha rotina. Sempre sozinha, sem festas, bebidas, namorados. Nada, apenas a minha companhia. Alguém bateu na porta eu já sabia que seria o sindico vindo cobrar o aluguel, me levantei pronta para encarar aquele homem mal humorado. Mas quando eu abri a porta esperando um homem do cabelo grisario e barrigudo eu encontrei um garoto loiro, olhos cor de mel e um rosto receoso esperando minha reação de o ver ali. 

- Justin ? - disse com medo 
- vim te fazer companhia - ele disse me mostrando algumas sacolas plasticas do mercado
- Vai embora
- Não - ele disse entrando e botando as sacolas em cima da mesa de jantar 

Eu fiquei escorada na porta o olhando atentamente, ele cruzou os braços e me olhou enquanto coçava a nuca

- Tem medo de mim, não tem ? - ele perguntou receoso e eu afirmei com a cabeça 
- As pessoas merecem uma segunda chance - ele disse 
- Mas não quando você fez o que fez comigo - eu disse baixo 

Ele me olhou e depois voltou a olhar para o que havia dentro das sacolas. É, eu estava curiosa para saber o que havia dentro, ele as olhava esperançoso 

- o que tem ai ? - perguntei receosa
- Chocolates, cervejas , coca-cola , pipoca, vodka e mais chocolates. E eu trouxe três filmes, eu não sabia qual tipo de filme você gostava então trouxe um de comedia, um de terror e outro de ação - ele disse tirando um por um das sacolas 
- Você errou todos os filmes que eu gosto - eu sorri de lado ainda escorada na porta 
- Eu sabia que se eu trouxe-se de romance eu teria que acabar vendo aquela porcaria então decidi não arriscar ter que passar duas horas vendo pessoas amando. Então, vai querer passar o domingo sozinha ou vai querer minha companhia ? 
- Sozinha - respondi e pude ver seu olhar de decepção

Talvez ele quisesse mudar, mas eu não posso ser essa pessoa que vá o ajudar. 

- Eu não sou tão ruim assim. ou sou ? 
- Toda a vez que eu olho para você eu lembro de tudo que você me fez, Justin . 
- Desculpa, eu só achei que se você me perdoa-se eu poderia seguir em frente - ele abaixou a cabeça e foi e em direção a porta deixando suas sacolas em minha mesa de jantar.

Justin P.V.O 

Eu estava decepcionado, era obvio que eu estava decepcionado. Eu desci pelo velho elevador e peguei a minha moto que estava estacionada em frente ao prédio dela. A moto a qual eu comprei com o dinheiro do assalto a banco que eu fiz com a ajuda de christian, meses antes de eu ser preso por outros motivos. 
  Estacionei a moto em frente ao bar que eu costumava frequentar, Leroy's . Quando entrei pude avistar os mesmos rostos de sempre, sua grade maioria homens e bêbados. Me sentei em um dos bancos em frente ao balcão. 

- Ian uma cerveja - eu disse ao atendente que eu já conhecia e assim ele botou uma lata de cerveja em minha frente. 
- Bieber! quanto tempo não da as caras por aqui - ele disse enquanto passava um pano no balcão 
- Estava preso - eu disse simplesmente
- Assalto, formação de quadrilha, trafico de drogas , qual de muitos delitos te levou aquele lugar?  
- Assalto, e eles dizem também, tentativa de homicídio mas acho que não foi muito bem isso. 
- Vai voltar a contrabandear drogas ? Tem muitos clientes novos na região 
- Não, vou dar um tempo. Vou voltar as rodas de lutas e aos pegas.
- Ethan dominou a roda depois que você sumiu 
- Eu sei, as noticias se espalham rápido - ele riu 
- Esta vendo aquela ali ? - ele disse olhando uma loira sentada em uma mesa sozinha 
- Gostosa - eu disse a olhando 
- Nova " Puta oficial " do Ethan 
- Ele anda escolhendo bem. Mas o que ela faz sozinha aqui ? Não é do estilo dele deixar suas mulheres sozinhas, ainda mais num bar como esse. 
- Não sei, só sei que chegou chorando e já deve estar na decima garrafa de cerveja. 
- Acho que vou resolver o problema dela 

Ele riu e eu me levantei deixando o dinheiro no balcão e indo em direção mesa da jovem loira. 

- Oi - eu disse sentando ao seu lado 
- Oi - ela respondeu ainda chorosa 
- Como se chama ?
- Julie
- Prazer, sou Justin . O que uma mulher linda faz aqui e ainda mais chorando ? - eu disse fitando seus seios 

Ela mordeu os lábios parecendo nervosa. Ah se ela soubesse como isso a deixa sexy, nunca faria isso perto de mim. Eu a puxei pelo cabelo e a beijei, ela pareceu se assustar mas acabou se rendendo ao beijo e levando sua mão para o meu pescoço. Minha mão passeava pela corpo dela até entrar por baixo da sua blusa. 

- Aqui não, vamos para outro lugar - ela disse ofegante e eu tinha certeza que a tinha deixado maluca. 

Eu me levantei e ela deixou o dinheiro em cima da mesa, passei meus braços pela sua cintura e a encaminhei até a minha moto. 

- Vamos de moto ? - ela sorriu animada 
- Sobe ai 

Eu disse e eu dirigi até o motel mais próximo, assim que chegamos pedimos um quarto e assim que eu abri a porta a empurrei na parede e comecei a beija-la, minha mão percorria todo o seu corpo enquanto a mão dela entrava pela minha blusa e arranha minhas costas. Tirei minha blusa com a ajuda dela e a joguei no chão e voltei a beija-la, minha mão entrou dentro de seu pequeno vestido e percorreu para dentro da sua calcinha 

- Abra a perna 

E assim ela fez para me facilitar, comecei a masturba-la eu brincava com seu clitóris e ela mordia os lábios repreendendo um gemido, enfiei dois dedos nela e ela gemeu em meu ouvido, cansei de brincar e tirei a mão dali e abri o zíper da minha calça  e a abaixei. 

- Me chupa - eu disse rude 

Ela se ajoelhou e desceu minha cueca e botou a boca no meu pau, sua língua brincava com a cabecinha do meu pau e isso me fazia ir a loucura, entrelacei minha mão em seus cabelos e comecei a empurrar sua cabeça para fazer movimentos na velocidade que eu queria e eu não estava ligando se aquilo iria caber na boca dela, ela que se vire. Quando senti que ia gozar puxei ela pelos cabelos e a beijei sentindo o gosto do meu pre gozo na boca dela. a joguei na cama e tirei seu vestido com brutalidade e o joguei no chão. Sem que ela espera-se enfiei nela, com força. Me apoiei na cama para ajudar com os movimentos enquanto ela gemia feito uma cadela no cio, minha boca foi para o seu peito enquanto eu ainda continuava com os movimentos e logo ela gozou. Fraca !
  
- Fica de quatro, agora - eu disse rude 

Ela obedeceu e estava evidente que a cadela gostava que a maltrata-se na cama. Eu tive a visão perfeita da bunda dela, eu enfiei com força e pude ouvir ela gemer de dor e prazer. Dei um tapa em sua bunda com força e os meus cinco dedos ficaram marcados em sua bunda e eu bati de novo e ela gemeu. 

- Me bate mais - ela disse com a voz fraca 

Eu puxei seus cabelos fazendo seu corpo ir para trás e dei um chupão em seu pescoço e a joguei na cama novamente. E voltei a enfia-la com vontade até senti meu orgasmo chegar, quando ele estava próximo sai de dentro dela e gozei na cara dele e ela lambeu os lábios.  Acho que poderíamos ir para uma segunda rodada.

                                                                                     [...]Continua 

vejam o blog da may  http://kidrauhlourhero.blogspot.com.br/

 << divulguem muitoo serio mesmo 

http://ask.fm/LadyPudim < perguntem nesse caralho 

e é isso ai tchau 

22 comentários:

  1. primeira a comentar lalalalala, essa vaga é disputada -@_aninhaMKW

    ResponderExcluir
  2. Oii nega ! voltei foi mal nao comentar os outros post e q eu tava sem pc tah?! continuaaa sempree arrasando ;p beijooooos" @AnnyBelieber_

    ResponderExcluir
  3. Continuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuua ta demais , tava até demorando pra vc fazer parte hot, não,zoa .
    Tô loka pra ler mais , bjus Flavia :)

    ResponderExcluir
  4. Continua , Sempre perfeito .. Suas Ibs são demais ..

    ResponderExcluir
  5. Muito boooooom eu adorei continua
    beijo julia

    ResponderExcluir
  6. muito bom,continua,cara *------*

    ResponderExcluir
  7. PERFEITOOOO,CONTINUAAAA!!!

    ResponderExcluir
  8. Continuuuuuua Flavia sem acento 'kkkkk.. Tá muito perfeito os seus capítulos, eu fiquei um tempo ler a ib porque minha tia avó morreu dia 15 de dezembro, ai dia 14 de janeiro morreu meu tio e agora dia 14 de fevereiro morreu uma tia de consideração minha (da minha família toda para ser mais exato, porque ela viu a minha avó, os meu tios, a minha mãe, eu e minha prima nascer, então, a gente considera né) ai eu fiquei meia abalada, não lia mais, fiquei meses sem entrar nas redes sociais, mas mudando.. CONTINUAAAA FLAVIA, EU AMO A SUA IB..
    @BelieberDada

    ResponderExcluir
  9. Te dei um selinho :3 http://love-kidrauhl.blogspot.com.br/2013/02/ganhei-um-selinho-0.html

    ResponderExcluir
  10. Leitora nova ! UAU , que hot né ? kkkkkkkkk , continua logo *-*

    ResponderExcluir
  11. tava faltando a putaria nos outros dois capitulos u-u kra amo isso, nossa isso é chato vou parar de falar que amo sua fanfic! ok? beijos

    ResponderExcluir
  12. Continua logo essa porra cara!kkkkk'
    Amei a parte hoot..- amo uma putaria -
    Adoro suas IB's então continua logo!

    ~~Allana~~

    ResponderExcluir
  13. Perfeito, continuaa :3


    Seguem ? @cupcakeofpanda '-' obg

    ResponderExcluir
  14. adorei, haha so tem um errinho mas deixa pq ta perfeito haha

    ResponderExcluir
  15. Puta que Pariu . Foda muito foda ★ :-)

    ResponderExcluir

A cada comentário um novo panda nasce , comentem , PELOS PANDAS